22321914202_4895b1b909_b[1]

Rico Dalasam

Rico Dalasam

Rapper, negro e gay, Rico Dalasam desafia a noção de normalidade na música e no gênero, inaugurando a cena queer rap do Brasil. Hoje, aos 25 anos de idade, é uma das principais apostas da música nacional contemporânea. Lançou, em 2015, seu primeiro trabalho, o EP Modo Diverso, reunindo 6 músicas autorais que narram suas experiências de vida enquanto jovem, negro e gay, morador da periferia da Grande São Paulo. Lançou dois videoclipes, “Aceite-C” e “Não posso esperar”, nas principais redes de televisão do país, como MTV e Multishow, além de já ter atingido, através deles, mais de meio milhão de pessoas na internet. Em pouco mais de um ano de carreira, já se apresentou nas principais capitais do país, circulando por mais de 10 estados e se destacando como o rapper que, atualmente, mais faz shows pelo Brasil. Recentemente, foi destaque na programação do Music Vídeo Festival (MVF 2015) realizado na cidade de São Paulo, além de se apresentar para milhares de pessoas no palco principal da 19a Parada do Orgulho LGBT de SP.


Rapper, black and gay, Rico Dalasam challenges the normal sense in music and gender, starting the queer rap scene in Brazil. Today, at 25, he is one of the main promises of contemporary Brazilian music. In 2015 he launched his first work, EP ‘Modo Diverso’ [Diverse Way], gathering 6 songs written by himself that tell his life experiences as a young, black and gay young man who lives on the outskirts of São Paulo metropolitan area. He released two video clips, ‘Aceite-C’ [Accept Yourself] and ‘Não posso esperar’ [I can’t wait] in the main TV channels in Brazil, such as MTV and Multishow, and has already reached, through them, more than half a million people on the internet. In just over a year of career, he has performed in the main Brazilian capitals in more than 10 states and emerging as the rapper who currently makes more shows in Brazil. He was recently featured on the program of the Music Video Festival (MVF 2015) in the city of São Paulo, and performed for thousands of people on the main stage of the 19th São Paulo LGBT Pride Parade.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *